Renato Cariani usava nomes de crianças para comprar hormônios de crescimento

Uma troca de mensagens entre o influenciador Renato Cariani e uma sócia mostram que o empresário usava nomes de crianças para comprar hormônios de crescimento.

Na conversa, ocorrida em julho de 2017, o influenciador pergunta se uma colega consegue providenciar o nome de duas crianças e dos pais delas para ele fazer as compras. “Consigo, sim”, responde a amiga.

Colega usava dados de crianças para fazer cadastros junto a farmacêuticas. O UOL apurou que o objetivo de Cariani com o esquema, segundo a PF, seria comprar os hormônios por preços mais baixos. “Já liguei lá. Fiz o cadastro e ela me enviou o número do voucher”, escreveu a amiga do influenciador em uma das mensagens.

Ele é réu por suspeita de desvio de produtos químicos para a produção de toneladas de drogas para o narcotráfico. As novas provas foram anexadas ao processo e podem aumentar a pena dele.

R7

Postado em 22 de fevereiro de 2024