MPE recomenda desaprovação das contas de Zema

O Ministério Público Eleitoral recomendou a desaprovação das contas da campanha à reeleição do governador de Minas Gerais, Romeu Zema (foto). Em parecer enviado ao TRE-MG, o procurador Eduardo Morato Fonseca afirmou haver “graves inconsistências e irregularidades” nos dados apresentados pela chapa do Novo.

Os valores questionados pelo MPE somam mais de R$ 2,8 milhões.

No texto, o procurador cobra a apresentação de duas notas fiscais referentes a serviços prestados pela Palhares Assessoria e Marketing Político. Os extratos correspondem a cerca de R$ 11,4 mil.

Ainda segundo Morato Fonseca, há falhas que comprometem a “transparência e a lisura” das informações.

o antagonista

Postado em 13 de novembro de 2022

Jornalista da GloboNews é acusada de machismo depois de criticar Janja

Foto: Reprodução

A jornalista Eliane Cantanhêde, analista política do canal pago de notícias GloboNews e colunista do jornal O Estado de S. Paulo, foi acusada de machismo por congressistas, celebridades e usuários das redes sociais após criticar a futura-primeira dama, Rosângela Silva, a Janja.

Cantanhêde disse na sexta-feira (11.nov.2022) no programa Em Pauta, da GloboNews, que há um incômodo com o “excesso de espaço” que a mulher do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), “vem ocupando”.

A jornalista também questionou por que Janja esteve sentada ao lado de Lula, o vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin (PSB), e a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, durante encontro com aliados na quinta-feira (10.nov), no CCBB, em Brasília.

“Ela estava ali sentada, mas ela não é presidente do PT, ela não é líder política, ela não é presidente de partido, enfim, por que ela estava ali? Qual era o papel da primeira-dama?”, disse Cantanhêde.

REAÇÃO NAS REDES SOCIAIS

Gleisi Hoffmann foi uma das figuras alinhadas a Lula que criticou Eliane. Em seu perfil no Twitter, a presidente do PT escreveu que o “machismo incrustado na cabeça de mulheres ditas esclarecidas” a apavora. Chamou a declaração da jornalista de “desprezível”.

Cantanhêde respondeu: “Alguém falar de ‘machismo incrustado’ comigo não é só injusto, é ridículo. Meu feminismo está no DNA e numa vida inteira. Elogiei Janja, apenas separei a relação pessoal com função pública”.

Poder360

Postado em 13 de novembro de 2022

Boletim da Balneabilidade aponta dois trechos impróprios e 31 próprios para banho

Foto: Caroline Macedo

O Boletim da Balneabilidade das praias do Rio Grande do Norte Nº 43, emitido na última sexta-feira (11), informa que 31 trechos analisados estão próprios para banho e dois trechos estão impróprios. Os trechos identificados como impróprios são: a Foz do Rio Pirangi, em Nísia Floresta e a na Praia de Areia Preta, próximo a Praça da Jangada, em Natal.

Foram coletadas e classificadas amostras de água em 33 pontos distribuídos na faixa costeira situada entre os municípios de Nísia Floresta e Extremoz, a fim de informar aos banhistas as condições das praias monitoradas.

A base dos dados analisa a quantidade de coliformes termotolerantes encontrados nas águas (Resolução nº 274/2000 do Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA).

O estudo é uma parceria entre o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e a Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (FUNCERN), e faz parte do Programa Água Azul.

BG

Postado em 13 de novembro de 2022

Flordelis é condenada a 50 anos de prisão pelo homicídio do pastor Anderson do Carmo

Foto: TJRJ

A ex-deputada Flordelis foi condenada a 50 anos e 28 dias pelo homicídio do pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. A pastora foi condenada por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, além uso de documento falso e associação criminosa armada.

Simone dos Santos Rodrigues, filha biológica de Flordelis, foi condenada a 31 anos e 4 meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado e associação criminosa armada.

Rayane dos Santos, neta biológica da ex-deputada e Marzy Teixeira e André Luiz de Oliveira, filhos adotivos de Flordelis, foram inocentados.

A decisão foi tomada pela 3ª Vara Criminal de Niterói após sete dias de julgamento em júri popular.

Após a leitura da sentença, o produtor musical Allan Soares, namorado de Flordelis, chorou muito.

“Entendemos que foi esse processo que formou uma pressão que levou a este fato dado”, avaliou Janira Rocha, que também faz parte da defesa de Flordelis.

“O placar foi bem apertado, não foi unânime a condenação dela”, afirmou o advogado Rodrigo Faucz, que também defende a ex-deputada.

O advogado assistente de acusação dedica a condenação de Flordelis à família de Anderson do Carmo, e disse que está satisfeita com a condenação e ainda chamou a ex-deputada de “chefe da organização criminosa”. Ele ainda afirmou ainda que não vai recorrer da absolvição de André Luiz, Marzy e Rayane.

g1

Postado em 13 de novembro de 2022

PEC da Transição aumenta dívida pública e pode resultar em alta da inflação

Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Sem perspectiva de aumento de arrecadação, os gastos extras na casa de R$ 175 bilhões com a PEC da Transição devem causar aumento da dívida pública. O próximo governo aposta em uma melhora econômica para conseguir compensar a liberação do montante fora do Orçamento. Sem isso, o país pode assistir à inflação subir e à taxa Selic ser ajustada para cima em busca de controle, acarretando juros mais altos.

A reação negativa do mercado à medida, que deve furar a regra do teto de gastos, foi sentida logo após o último discurso do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A apreensão se dá pela possibilidade de aumento da dívida pública. Com isso, o movimento natural seria a cobrança de juros mais altos, fazendo com que o Executivo precise destinar uma parte maior da arrecadação futura para honrar com o pagamento de dívidas. “Assim, deixa-se menos para despesas discricionárias. Esse impacto só será minimizado se o país crescer mais que os 2,5% estimados no PLOA (Proposta da Lei Orçamentária Anual), o que me parece bastante improvável”, avalia Rafael Miranda, mestre em economia pela FGV.

Líderes pedem mais tempo e PEC da Transição será apresentada na próxima quarta
Um cenário possível a partir do próximo ano levando em conta as projeções de recessão, segundo Miranda, é que as famílias mais vulneráveis aumentem o poder de consumo. No entanto, sem uma produção compatível, os preços dos produtos sobem, acarretando em aumento da inflação. O movimento do Banco Central pode ser, então, o de elevar a taxa Selic, subindo as taxas de juros e dificultando empréstimos e financiamentos.

“É fácil imaginar que, se o governo injeta auxílio na mão de quem está deixando de comprar porque falta dinheiro, elas vão justamente gastar esse dinheiro e gastar rápido. Esse aumento de demanda pode levar a inflação”, completa. Miranda, no entanto, afirma que o auxílio é necessário para garantir equilíbrio social, mas que precisa ser feito com cautela.

Especialista em Gestão Pública, Relações Institucionais e Governamentais da Fundação da Liberdade Econômica, Eduardo Fayet também frisa a importância do auxílio e a necessidade do equilíbrio. “São recursos importantes para atender a questão da fome, da dificuldade da classe mais pobre ter acesso a recursos.”

Não deixa de ser um endividamento público. O que o novo governo precisa é ter austeridade fiscal. Não de não gastar, mas de gastar bem. Além disso, deve tomar cuidado com como fala e quais são os aspectos que destaca para que não haja revezes sem necessidade

Fayet acredita que a taxa de juros pode sofrer manutenção, “mas depende também de questões internacionais, capacidade de atração de investimento, equalização de política de governança e financiamento do desenvolvimento do Brasil”.

Medida permanente

O governo eleito defende que se extrapole o teto de gastos. Antes de deixar Brasília após se reunir com a equipe de transição, Lula criticou a reação negativa ao discurso e disse nunca ter visto “um mercado tão sensível”. Já o vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin (PSB), disse apostar em um crescimento econômico. “O que precisa é a economia crescer. Esse é o fator relevante. E aí é importante o investimento, público e privado, recuperar planejamento no Brasil e bons planejamentos.”

Outro fator que leva à desconfiança do mercado sobre a PEC é que o excedente de gastos pode se tornar uma constante. O relator do Orçamento, senador Marcelo Castro (MDB-PI), já afirmou que as mudanças previstas no teto de gastos para bancar os auxílios seriam permanentes.

“A ideia é que haja um compromisso da sociedade brasileira com os mais carentes, com os mais pobres. E que eles possam sentir que há uma segurança de que estará excepcionalizado para sempre esse recurso”, disse, na quinta-feira (10).

O teto de gastos entrou em vigor em 2016 e é a principal regra fiscal que limita o crescimento das despesas em relação à inflação. Na prática, a ideia é congelar os gastos públicos para que o aumento em despesas siga a inflação.

Atual secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo, e cotado para assumir o Tesouro Nacional no governo Lula, Felipe Salto acredita que o governo de transição “precisa fazer um aprimoramento das regras fiscais para evitar constrangimento de todo ano ter que aumentar o teto de gastos, que mobiliza recursos, políticas, esforço do governo e tempo”. Ele defende a necessidade de mudar o teto de gastos para um limite de despesa, a fim de manter regras de controle, mas sem precisar ferir as normas ano após ano.

Além disso, Salto defende uma reforma tributária. “Principalmente o ICMS, que produz uma série de distorções e complexidade no regimento tributário que já são muito conhecidas e poderiam ser resolvidas. É necessário uma reforma estrutural, discutir a questão das vinculações, do peso das despesas obrigatórias do orçamento.”

R7

Postado em 13 de novembro de 2022

PCC tem arquivo com nomes e endereços de 2 mil agentes públicos no Brasil

Foto: reprodução

O PCC (Primeiro Comando da Capital) tem um arquivo com cerca de 2 mil nomes e endereços de agentes públicos em todo o Brasil. São juízes, promotores de Justiça, delegados das Polícias Civil e Federal e policiais penais de vários estados do país. Muitos são considerados alvos e inimigos mortais da facção.

A coluna do jornalista Josmar Jozino, do UOL, apurou que ao menos 11 nomes mencionados na longa lista vêm sofrendo ameaças de morte do PCC nos últimos meses. Os possíveis atentados seriam em represália à permanência da liderança da organização criminosa em presídios federais.

Os arquivos estão armazenados em pen drives e há mais de uma cópia. Segundo as fontes ouvidas pela reportagem, elas foram distribuídas para os chefes do PCC em liberdade. Há informações de que alguns deles estão escondidos em São Paulo e outros no Mato Grosso do Sul e Bolívia.

Os relatos apontam que o PCC estabeleceu prazo até o dia 25 de janeiro de 2023 para a liderança do grupo ser removida de volta para presídios paulistas.

Ainda de acordo com as informações passadas à coluna, se as transferências não forem efetuadas, os atentados contras as autoridades das forças de segurança terão início no aniversário de 469 anos da cidade de São Paulo, a maior e principal metrópole do Brasil.

Fontes da reportagem apuraram também que o PCC adquiriu drones para espionar e monitorar os alvos. Têm ainda veículos blindados, fuzis, metralhadoras e até explosivos C4 com alto poder de destruição. Parte desse armamento estaria escondida na Grande São Paulo.

Entre as autoridades ameaçadas estão promotores de Justiça responsáveis pela remoção dos chefes do PCC para os presídios federais, chamados de “amarelos” pelos faccionados. Eles usam essa denominação porque nessas unidades os presos tomam pouco banho de sol e costumam ficar pálidos.

Seis policiais federais responsáveis pelo bloqueio de milhões de reais de integrantes do PCC processados por lavagem de dinheiro e por prender narcotraficantes do grupo criminoso no Brasil e no exterior também estão na lista de ameaçados.

Na cidade de São Paulo, os alvos seriam quatros delegados da Polícia Civil que todos os dias aparecem na mídia anunciando prisões de membros do Primeiro Comando da Capital. Esses policiais são chamados pelos faccionados de “filhotes” de um famoso apresentador de programa policial exibido na TV.

Crimes de terrorismo

De acordo com agentes das forças de segurança, os envolvidos em atentados contra autoridades podem ser enquadrados por crimes de organização terrorista, principalmente no caso de uso de explosivos. As penas variam de 12 a 30 anos de reclusão, além de isolamento em presídio federal.

Em fevereiro de 2001, o PCC mostrou o “rosto” ao país pela primeira vez ao comandar a primeira rebelião em série em São Paulo, em 29 presídios e quatro cadeias públicas, por causa da transferência de alguns de seus líderes para outros estados da Federação.
Cinco anos depois, em maio de 2006, a facção voltou a se rebelar, dessa vez em 74 unidades prisionais. Simultaneamente foram realizados ataques contra agentes públicos. Foram mortos 24 policiais militares, oito policiais civis, oito policiais penais, três guardas municipais e outros 16 agentes.

No mesmo período 505 civis foram mortos a tiros no estado. Até hoje ninguém foi responsabilizado por essas mortes. Os ataques ocorreram entre os dias 12 e 20 de maio e foram motivados por causa do isolamento de 765 presos do PCC na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau (SP).

Com informações do UOL

Postado em 13 de novembro de 2022

Eleições 2022: candidatos que disputaram o segundo turno têm até o próximo sábado (19) para prestar contas à justiça eleitoral

Acaba no próximo sábado (19) o prazo para que os candidatos, partidos políticos, federações e coligações que disputaram o segundo turno das Eleições 2022 prestem contas à justiça eleitoral pelas campanhas dos dois turnos de votação. A determinação vale, inclusive, para aqueles que concorreram aos cargos de vice-presidente ou vice-governador. 

A data também é limite para que os candidatos transfiram as sobras de campanha para as contas de seus partidos políticos e os recursos não gastos do Fundo Eleitoral para o Tesouro. Vale lembrar que o período para aqueles que só participaram do primeiro turno se encerrou no dia 1º de novembro. 

O presidente da Comissão de Direito Político e Eleitoral do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), Fernando Neisser, explica que as candidaturas devem declarar todas as receitas e despesas no momento da prestação de contas. 

“A prestação de contas é feita pelo computador e candidatos e candidatas guardam a documentação comprobatória daquelas entradas e saídas. Então, contratos, recibos de documentos eleitorais, notas fiscais, para que quando essa prestação de contas for analisada pela justiça eleitoral, se houver alguma dúvida, diligência ou pedido de comprovação, que esses documentos sejam apresentados”, afirma. 

Segundo Neisser, a satisfação é feita por meio do Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE), que é semelhante ao programa de declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). 

Análise
Entregar a documentação é condição para que os candidatos eleitos sejam diplomados e possam tomar posse em seus cargos, em 1º de janeiro. Além disso, o especialista ressalta que quem não prestar contas fica inelegível por quatro ou oito anos (no caso de quem concorreu ao Senado). 

Já para aqueles cujas contas forem prestadas, há três resultados possíveis: a aprovação, a aprovação com ressalvas ou a desaprovação por parte da justiça eleitoral. Quem tiver as contas desaprovadas por graves irregularidades pode ser julgado por abuso de poder econômico e sofrer outras sanções, como a suspensão de novos repasses do Fundo Eleitoral ou do Fundo Partidário, além de ter  que devolver os recursos ao Tesouro Nacional. 

Neisser explica também que há situações em que as contas são desaprovadas por inconsistências pequenas. “É muito comum que candidatos tenham contas desaprovadas por pequenos problemas contábeis, falhas na gestão dessas contas, mas que seja ou em volume muito pequeno ou questões secundárias que não faria sentido você tirar o direito político daquela pessoa, de ser candidato futuramente apenas pelas desaprovação de contas”, afirma. 

Fiscalização cidadã
Todos os cidadãos brasileiros podem acessar a prestação de contas de todos os candidatos por meio do Divulga Contas. Além da descrição dos gastos em campanha, o site traz informações como a declaração de bens dos candidatos. “Isso vai sendo alimentado em tempo real durante a campanha. Portanto, não há nem necessidade de aguardar a prestação de contas para fazer esse controle. Esses dados são abertos, são públicos”, diz Neisser. 

Como as campanhas eleitorais no Brasil são financiadas com recursos públicos, seja por meio do Fundo Partidário, seja por meio do Fundo Eleitoral, o chamado Fundão, o advogado reforça que os eleitores devem ficar de olho na utilização desse dinheiro. “Faz todo o sentido e há meios para que a população, as ONGs e a imprensa possam acompanhar o processo de prestação de contas”, completa. 

Aguardada com muita expectativa, auditoria da Defesa sobre urnas não identifica fraude nas eleições

Polarização: os desafios do próximo governo num país dividido
Fonte: Brasil 61

Postado em 13 de novembro de 2022

JOVEM DE 21 ANOS MORRE EM ACIDENTE DE TRÂNSITO EM CURRAIS NOVOS


Era por volta de 19h deste sábado dia 12 de novembro de 2022, quando a POLICIA RODOVIARIA ESTADUAL através do 2º Pelotão de trânsito de Currais Novos se deslocou até a RN que dá acesso ao Povoado da Cruz, onde foi registrada uma colisão posterior envolvendo uma motocicleta Honda CG 160 Fan, de cor cinza, ano 2019, pilotada pelo jovem Jonas Pereira Salustino, de apenas 21 anos, residente no povoado da Cruz, que não resistiu e faleceu no local e uma caminhonete L200 Triton, de cor prata, ano 2013.
A motocicleta colidiu na parte posterior da caminhonete e o condutor e passageiro foram arremessados ao solo. O passageiro da motocicleta é irmão do condutor e foi encaminhado ao hospital com suspeita de fraturas pelo corpo.
O condutor da caminhonete prestou socorro a vítima e depois foi hospitalizado devido a forte emoção, tendo em vista que além de todo o sofrimento do local do acidente ainda ficou sabendo que as vítimas eram seus parentes.
Ambos os condutores eram habilitados e os veículos estavam registrados e licenciados.
3ª CIPRV- Atuando para preservar vidas

Postado em 13 de novembro de 2022

ENEM: Quase 3,4 milhões de candidatos fazem provas neste domingo (13) em mais de 1,7 mil municípios

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 começa a ser aplicado neste domingo (13) em todo o país nas modalidades impressa e digital. Tanto as provas quanto o tema da redação serão iguais nas duas modalidades. Ao todo, cerca de 3,4 milhões de candidatos farão o exame.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização das provas, divulgou nesta semana os números oficiais do exame, que é a principal forma de ingresso no ensino superior público, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), de obtenção de bolsas por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni) e de participação no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Ao todo, 3.331.566 candidatos farão o Enem impresso e 65.066, o digital. A maioria está nos estados de São Paulo (527.097),Minas Gerais (301.350) e Bahia (260.331). As mulheres representam 61% dos candidatos e as pessoas negras, soma de pretos e pardos, 54,8% dos inscritos.

O Enem será realizado em 11.175 locais de prova em 1.747 municípios. Serão mais de 320,5 mil pessoas envolvidas na aplicação do exame, entre coordenadores estaduais, municipais, aplicadores e supervisores.

No dia da prova, é obrigatório levar documento de identificação original, com foto. Entre as identificações aceitas estão as carteiras de identidade e de habilitação (CNH), o passaporte e a carteira de trabalho emitida após 27 de janeiro de 1997.

A novidade desta edição é que serão aceitos os documentos digitais com foto do e-Título, CNH digital e RG digital, que deverão ser apresentados nos respectivos aplicativos oficiais Não serão aceitas fotos da tela do celular.

Outro item obrigatório é a caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente. Ela é necessária para preencher o cartão de respostas no Enem impresso e para escrever a redação tanto no Enem impresso quanto no digital. A máscara de proteção facial é obrigatória, exceto nos estados ou municípios onde o uso do item em local fechado esteja liberado por decreto ou ato administrativo de igual poder regulamentar.

É recomendado ainda que os participantes levem lanche e água, já que a prova tem duração longa, e também que se leve o cartão de confirmação da inscrição, no qual está, entre outras informações, o local de prova. O cartão pode ser acessado na página do participante.

Caso necessitem comprovar que participaram do exame, os estudantes podem, também, na página do participante, imprimir a declaração de comparecimento para cada dia de prova, informando o CPF e a senha. A declaração, que deve ser apresentada ao aplicador na porta da sala em cada um dos dias., serve, por exemplo, para justificar falta ao trabalho.

Primeiro dia de prova

No primeiro dia do Enem, os candidatos farão, além das provas objetivas de linguagens e ciências humanas, a única prova subjetiva da avaliação, a redação. Os portões abrem às 12h e fecham às 13h. Não é permitido entrar após o fechamento dos portões. As provas começam a ser aplicadas às 13h30 e terminam às 19h. O horário é o de Brasília.

No próximo domingo (21), os participantes fazem as provas de matemática e ciências da natureza.

O exame seleciona estudantes para vagas do ensino superior públicas, pelo Sisu, para bolsas em instituições privadas, pelo Prouni, e serve de parâmetro para o Fies. Os resultados também podem ser usados para ingressar em instituições de ensino portuguesas que têm convênio com o Inep.

Para testar os conhecimentos, os estudantes podem acessar gratuitamente o Questões Enem da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), um banco que reúne questões de edições passadas do exame. No sistema, é possível escolher quais áreas do conhecimento se quer estudar. O banco seleciona as questões de maneira aleatória.

Agência Brasil

Postado em 12 de novembro de 2022

Mega da Virada vai sortear o maior prêmio da história: R$ 450 milhões; apostas começam no dia 16

Foto: Caixa/divulgação

O maior sorteio da história das loterias brasileiras será aberto para apostas na próxima quarta-feira (16/11). A Mega da Virada de 2022 vai sortear R$450 milhões de uma só vez na noite do dia 31 de dezembro.

O prêmio, como em todo concurso especial de fim de ano, não acumula. Ou seja, se ninguém marcar os 6 números, o prêmio é dividido entre os que acertaram 5 números, e assim por diante.
Se uma só pessoa acertar os seis números, o prêmio vai superar o recorde da loteria brasileira, de 2015. Em novembro daquele ano, o vencedor do Distrito Federal levou R$205 milhões para casa. As apostas, individuais ou por bolão, podem ser feitas presencialmente, em lotéricas; pelo aplicativo Loterias Caixa para celular; e no Portal Loterias Caixa. O valor mais barato, para um jogo simples, é de R$ 4,50.
Rendimento
Os R$450 milhões são suficientes para comprar 50 mansões, no valor de R$ 9 milhões cada.

Se uma pessoa levar o prêmio e aplicá-lo em uma conta poupança, ele renderia R$ 2,7 milhões só no primeiro mês. Mas a poupança não é a melhor opção – um investimento em CDB (Certificados de Depósito Bancário), considerado seguro, renderia R$ 61,9 milhões (considerando a taxa de 13,65%).

Chance de 1 em 50 milhões

A probabilidade de acertar os 6 números é 1 em 50 milhões – pode-se comparar com a probabilidade de duas pessoas, em qualquer lugar do mundo, olharem para o céu a pontarem para a mesma estrela: 1 em 10 mil. Por isso, apostar contando com a vitória nunca é uma boa ideia.

Estado de Minas

Postado em 12 de novembro de 2022
Mega da Virada vai sortear o maior prêmio da história: R$ 450 milhões; apostas começam no dia 16', 'facebook-share-dialog', 'width=626,height=436'); return false;" target="_blank"> Mega da Virada vai sortear o maior prêmio da história: R$ 450 milhões; apostas começam no dia 16 https://bloggeraldocarneiro.com/mega-da-virada-vai-sortear-o-maior-premio-da-historia-r-450-milhoes-apostas-comecam-no-dia-16/" data-action="share/whatsapp/share" target="_blank">

Lula faz exames de rotina no Sírio Libanês em São Paulo antes de viajar para COP27 no Egito

Foto: Adriano Machado/O Antagonista

O presidente eleito Lula (foto) esteve neste sábado (12) no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para avaliação médica de rotina. As informações são da assessoria do PT.
A ida ao hospital para exames ocorre dias antes de o petista embarcar para o Egito, onde ele participará da COP 27, a conferência da ONU sobre mudanças climáticas.

“O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva está no hospital Sírio Libanês para exames de rotina, antes de sua viagem para a COP 27 no Egito”, diz a nota da assessoria.

O presidente eleito deve desembarcar no Egito na terça-feira (15) à noite, onde participará das discussões na Cúpula do Clima da ONU nos dias 16 e 17 de novembro

Na semana passada, circulou nas redes sociais a informação falsa de que Lula estaria internado no Sírio-Libanês infartado. O petista havia passado a semana no sul da Bahia com Janja.

Com informações de O Antagonista e CNN Brasil

Postado em 12 de novembro de 2022
Lula faz exames de rotina no Sírio Libanês em São Paulo antes de viajar para COP27 no Egito', 'facebook-share-dialog', 'width=626,height=436'); return false;" target="_blank"> Lula faz exames de rotina no Sírio Libanês em São Paulo antes de viajar para COP27 no Egito https://bloggeraldocarneiro.com/lula-faz-exames-de-rotina-no-sirio-libanes-em-sao-paulo-antes-de-viajar-para-cop27-no-egito/" data-action="share/whatsapp/share" target="_blank">

Homem cai em tanque de alumínio derretido a 720ºC e sobrevive

Foto: Divulgação/Polícia de St. Gallen

Um eletricista de uma fábrica sobreviveu à queda dentro de um tanque de alumínio derretido a uma temperatura de 720ºC em St. Gallen, na Suíça. Segundo as autoridades locais, o acidente ocorreu na quarta-feira (9). Ele foi socorrido com queimaduras graves e extensas, sendo transportado de helicóptero para um hospital da região em seguida.

A vítima é um homem de 25 anos que não teve a identidade revelada. A polícia de St. Gallen afirmou que o homem caiu através de uma abertura enquanto trabalhava acima do caldeirão com material em alta temperatura, informou o jornal alemão SWR Aktuell.

De acordo com relatos coletados pelas autoridades com os colegas de trabalho, o homem ficou com as pernas imersas no metal derretido até os joelhos, mas conseguiu se sustentar e sair de dentro do tanque.

Ele foi internado no hospital com queimaduras severas. De acordo com o porta-voz da polícia local, Dionys Widmer, até o momento, os membros da vítima não precisaram ser amputados, mas ele segue em observação, em condição estável. Ele informa ainda que o Ministério Público não abriu investigação sobre o acidente até o momento.

Um trabalhador da fábrica onde ocorreu o acidente, de 55 anos, em entrevista ao jornal suíço 20 Minuten, diz que o tanque com alumínio obrigatoriamente deveria estar fechado durante a atuação dos colegas, porque, até mesmo um tropeço nas dependências da fábrica poderiam ter consequências graves. “É triste. Mas o acidente quase só pode ser explicado por negligência”.

Os investigadores seguem coletando pistas para entender a dinâmica do incidente e determinar se houve alguma conduta ou condição insegura na fábrica.

UOL

Postado em 12 de novembro de 2022

Prêmios esquecidos da loteria somam R$ 323,3 milhões este ano; quem fica com o dinheiro?

Foto: Edu Garcia/R7

Apostadores que ganharam prêmios das loterias da Caixa Econômica Federal deixaram de buscar R$ 323,3 milhões de janeiro a outubro deste ano.

Desde 2015, a soma já ultrapassa R$ 2,8 bilhões. Os valores incluem todas as apostas, de todas as modalidades de jogos de loterias no país.

O recorde de esquecimento foi em 2021, quando R$ 586,8 milhões voltaram aos cofres públicos sem que os vencedores se apresentassem para pegar os prêmios.

Os dados são os seguintes:

• 2015 – R$ 301,3 milhões
• 2016 – R$ 320,4 milhões
• 2017 – R$ 326 milhões
• 2018 – R$ 332,2 milhões
• 2019 – R$ 331,9 milhões
• 2020 – R$ 311,9 milhões
• 2021 – R$ 586,8 milhões
• 2022 (até outubro) – R$ 323,3 milhões

Total esquecido: R$ 2,83 bilhões

Qual o prazo que o apostador tem para resgatar o prêmio?

Os prêmios prescrevem 90 dias após a data do sorteio.

O que acontece com o dinheiro após o prazo para resgatar?

Se o vencedor não resgatar o prêmio após 90 dias da data do sorteio, os valores serão repassados ao Tesouro Nacional para aplicação no Fies (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior), conforme a Lei nº 13.756/18.

R7

Postado em 12 de novembro de 2022

VÍDEO: Senador Styvenson revela que prefeitos do RN sofrem assédio de facções; bandidos pedem até cargos

Que tem facção criminosa que proíbe alguns candidatos de “adentrarem” em certas comunidades do Rio Grande do Norte, não há nenhuma novidade. Mas que há prefeitos sofrendo assédio de criminosos, que têm ameaçado os gestores para conseguir cargos na gestão, isso é novidade, confirmada pelo senador Styvenson Valentim, no Jornal das 6 desta sexta-feira (11). Veja o vídeo acima:

O comentário de Styvenson foi feito ao falar da operação Reveletio, da Polícia Civil do RN, que levou a prisão um vereador paraibano, acusado de envolvimento com um grupo criminoso. “Pedem cargos ou ameaçam atacar municípios, queimando ônibus, por exemplo”, acrescentou.

O parlamentar afirmou que, diante da informação que recebeu de vários prefeitos, levou as denúncias ao Ministério da Justiça investigar e tentar combater.

CASOS JÁ DENUNCIADOS

Vale lembrar que o Rio Grande do Norte já teve alguns episódios de envolvimento da bandidagem com a política. Recentemente, por exemplo, o prefeito Francisco Damião de Oliveira, conhecido por “Marcelo”, conseguiu voltar ao cargo que tinha renunciado em maio de 2021, em João Dias/RN, após comprovar que assinou a renúncia em meio a ameaças de grupos criminosos.

Em maio deste ano, em Parnamirim, teve a prisão do líder de uma facção criminosa paraibana. O detalhe revelado é que ele tinha um cargo na Prefeitura de João Pessoa, até meses antes de ser detido em operação da Divisão de Combate ao Crime Organizado (Deicor).

96 FM Natal

Postado em 12 de novembro de 2022

Enem: estudante com doença infectocontagiosa pode pedir reaplicação da prova

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Se estiver doente no dia das provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio)? O que devo fazer? O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) prevê a reaplicação da prova caso o participante esteja com alguma doença infectocontagiosa como Covid-19 ou sarampo.

Neste caso, conforme informa o edital, o participante deve informar por meio da Página do Participante, em até cinco dias uteis após o último dia de aplicação. Esses estudantes não devem comparecer ao local de prova. Os casos serão julgados individualmente pelo Inep.

Para a análise, o participante deverá inserir documento legível com a CID (Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde). Para saber se poderá ou não fazer a reaplicação do exame, o estudante deve acompanhar a resposta pelo site.

Se houver aprovação do documento, o candidato poderá participar da reaplicação do Exame, em data a ser divulgada pelo Inep.

As doenças previstas no edital são: tuberculose, coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenzae, doença meningocócica e outras meningites, varíola, influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola, varicela e Covid-19.

R7

Postado em 12 de novembro de 2022
Enem: estudante com doença infectocontagiosa pode pedir reaplicação da prova', 'facebook-share-dialog', 'width=626,height=436'); return false;" target="_blank"> Enem: estudante com doença infectocontagiosa pode pedir reaplicação da prova https://bloggeraldocarneiro.com/enem-estudante-com-doenca-infectocontagiosa-pode-pedir-reaplicacao-da-prova/" data-action="share/whatsapp/share" target="_blank">